Dilma volta do feriado com buzinaço


Dilma volta do feriado com buzinaço na porta do Palácio do Planalto


Soldados dispensados da Aeronáutica protestam por readmissão no serviço público

Renan Ramalho, do R7, em Brasília

Após três dias de descanso no feriado prolongado, a presidente Dilma Rousseff retomou a rotina de trabalho nesta segunda-feira (25) debaixo de um intenso buzinaço na entrada do Palácio do Planalto.

Cerca de 40 ex-soldados especializados da Aeronáutica apareceram, logo pela manhã, munidos de cornetas, bandeiras, caixão e gritos para exigir sua readmissão no serviço público.

Segundo o representante do grupo Luiz Carlos de Oliveira, mesmo após admissão em concurso público, eles foram dispensados pela Força sob a alegação de terem prestado o serviço militar duas vezes.

- O nosso apelo para a Dilma é que ela, como chefe de família, e tendo dito que o governo dela seria de justiça social, que nos atenda.

Eles dizem que o problema se arrasta há dez anos e já prejudicou 15 mil soldados, que estão sem receber desde então. A dispensa, alegam, não foi sequer publicada no Diário Oficial da União, ou nos informes oficiais dos Ministérios do Trabalho, da Previdência Social e da Defesa.

Procurada, a assessoria do Planalto disse ser “improvável” que a presidente receba os manifestantes, já que tem agenda cheia durante o dia.

A Secretaria Geral da Presidência, que lida com movimentos sociais e sindicais, informou que, após reunião com os manifestantes na última quarta-feira (20), ficou acertado que a AGU (Advocacia Geral da União) faria um parecer sobre a questão, a ser resolvida na Justiça.


Postagens mais visitadas deste blog

EMPRESA É CONDENADA A INDENIZAR FAMILIA

Clube do Crescimento Pessoal

A VIDA É MOVIMENTADA POR PARCERIAS